O que é e para que serve?

A TERAPIA DE CASAIS é uma forma de terapia psicológica usada para tratar problemas ou conflitos de relacionamento de um casal, restaurando um melhor nível de funcionamento e melhorando a satisfação no relacionamento, utilizando uma variedade de intervenções terapêuticas.

A terapia de casais pode ajudar pessoas que estão tendo queixas de dificuldades de intimidade, sexuais e de comunicação, incompatibilidade ou um amplo espectro de distúrbios psicológicos que incluem violência doméstica, alcoolismo, depressão, ansiedade e esquizofenia.

 

O foco da terapia de casais é identificar a presença de insatisfação e angústia no relacionamento, e planear e implementar um plano de tratamento com objetivos projetados para melhorar ou aliviar os sintomas apresentados e restabelecer o relacionamento para um melhor e mais saudável nível de funcionamento.

Embora a prática da terapia de casais possa variar dependendo da orientação teórica do terapeuta, toda a terapia de casais tende a envolver os seguintes elementos gerais:

  1. Um foco num problema específico (isto é, dificuldades sexuais, vício em internet, ciúme)
  2. Participação ativa por parte do terapeuta no tratamento da relação em si, em vez de cada indivíduo separadamente
  3. Intervenções orientadas para a solução e  para a mudança logo no início do tratamento
  4. Um claro estabelecimento de objetivos de tratamento

A terapia de casais geralmente começa com algumas perguntas padrão de entrevista sobre a história do relacionamento, bem como alguma exploração da família de origem, valores e antecedentes culturais de cada parceiro. O terapeuta pode usar as sessões iniciais para intervenção em crises, se necessário.

O terapeuta de casais ajudará o casal a identificar a questão que será o foco do tratamento, estabelecendo metas de tratamento e planeando uma estrutura para o tratamento.Terapia de casal, terapia de casais, terapia, problemas de relacionamento

Durante a fase de tratamento, o terapeuta ajudará o casal a entender melhor a dinâmica relacional que mantém o problema, ao mesmo tempo em que ajuda os dois parceiros a entender o papel de cada um nas interações disfuncionais. Isso os ajudará a mudar a maneira como eles percebem o relacionamento e o outro.

Embora ganhar insight seja importante, outro aspeto crucial da terapia de casais envolve na verdade mudar comportamentos e formas de interagir uns com os outros. Os terapeutas de casais muitas vezes atribuem trabalhos de casa para aplicar nas interações do dia-a-dia as capacidades que aprenderam na terapia.

A maioria dos casais ao terminar a terapia de casais terá obtido insights sobre padrões relacionais, aumentado a expressão emocional e desenvolvido as habilidades necessárias para se comunicar e resolver problemas com o seu parceiro de forma mais eficaz.

Para quem é a terapia de casais?

A terapia de casais é benéfica para qualquer tipo de relacionamento, seja parceiros heterossexuais, gays, jovens, seniores, namorados, noivos ou casados. Por exemplo, um casal de recém noivos pode achar que o aconselhamento pré-matrimonial é uma oportunidade inestimável para esclarecimento das expectativas de relacionamento que têm antes de se casar. Outro casal, juntos há 25 anos, pode descobrir que a terapia de casais é uma maneira eficaz de recuperar um sentimento de excitação e romance no seu relacionamento.

Terapia de casal, casal, felicidade, amor, romance

A terapia de casais pode resolver um problema atual, prevenir uma exacerbação de problemas ou simplesmente fornecer um “check-up” para um casal feliz que está passando por um período de transição ou aumento de stress. As áreas comuns de preocupação abordadas na terapia de casais incluem problemas com dinheiro, paternidade, sexo, infidelidade, sogros, problemas crónicos de saúde, infertilidade, jogos de azar, uso de substâncias, distância emocional e conflitos frequentes.

Os casais devem ser informados de que a cooperação é vital para o processo. Os casais devem ter o desejo de modificar e/ou alterar comportamentos disfuncionais. Honestidade e abertura emocional são componentes necessárias para o tratamento. Os resultados não podem ser garantidos.

O tratamento geralmente leva vários meses ou mais. Uma vez que o casal tenha desenvolvido capacidades adequadas e tenha apresentado um nível de funcionamento melhorado que seja satisfatório para ambos, o tratamento pode ser encerrado. A consciência de comportamentos de prevenção de recaída e comportamentos reincidentes é importante. Os pacientes são encorajados a retornar ao tratamento se os sintomas de recaída aparecerem.

Visitas de acompanhamento, consultas de psicologia e coaching de longo prazo podem ser organizadas entre as partes se isso for mutuamente decidido como necessário e benéfico.

Como sei se precisamos de terapia conjugal?

Embora as razões pelas quais as pessoas procuram a terapia conjugal sejam tão variadas quanto os casais, em geral é uma boa ideia procurar terapia se os conflitos acontecem e o casal não sabe como mudar a situação. Além disso, se a maior parte de sua interação com seu parceiro for hostil, ou se você achar que não é capaz de se relacionar com o seu parceiro com amor e compreensão, ou se simplesmente quiser melhorar a qualidade de seu relacionamento conjugal, poderá considerar a terapia de casais útil.

A terapia conjugal salvará meu casamento?

Alguns casais só procuram terapia depois de terem atingido o ponto de não retorno. Ou seja, ambos estão tão zangados e magoados que não estão dispostos a se abrir e fazer o esforço necessário para uma terapia bem sucedida. Para alguns casais, a terapia bem sucedida pode ser simplesmente o culminar num divórcio mais amigável. Em muitas circunstâncias, a terapia conjugal pode salvar um casamento que está se movendo em direção ao divórcio.

Fazer marcação